Segunda-feira, 27 de Fevereiro de 2012

 

Isto é bastante raro, mas de forma geral estou satisfeita com os vencedores dos Óscares. Por muito cliché que seja, para mim "O Artista" é o justo vencedor da categoria de melhor filme. A par desta, também a entrega do Óscar de melhor argumento original ao "Meia-Noite em Paris" do meu querido Woody Allen, deixou-me muito feliz. Se os vencedores destas duas categorias tivessem sido diferentes teria sido cometida a maior atrocidade. No entanto, os vencedores de duas outras categorias a meu ver deveriam ter sido diferentes: melhor banda sonora original e melhor fotografia. O problema da melhor banda sonora a meu ver foi que o justo vencedor nem sequer foi nomeado. Refiro-me ao "Drive". No entando, se este filme deveria ter sido o grande vencedor da categoria de melhor banda sonora, e não querendo desvalorizar "A Invenção de Hugo", na de melhor fotografia o justo vencedor seria sem dúvida alguma "Árvore da Vida". Este filme tem das melhores fotografias que já vi, uma verdadeira delícia. Fiquei triste por não ter vencido.



Barbie às 15:17
Link | | Favoritos